25 de janeiro de 2010

Oral de Teoria Geral do Enrabamento Civil I

Hoje fui assistir à oral de passagem de um amigo meu, para me preparar para a minha oral de amanhã.

Digamos que foi o choque: Enrabamento ao vivo!

Para ires à oral é obrigatório apresentar o BI e uma vaselina, que aconselho que comprem das melhores!
O primeiro passo é estar relaxado, para que saias da oral Arrelaxado, mas com poucas dores no traseiro!

O assistente chama-te e quando te sentas, começa a festança. Fazem-te uma perguntinha que consideram simples, mas que só mostra que não sabes nada, e logo aí sentes que ele acabou de te penetrar a fundo e sem lubrificação em frente a todo um auditório. É uma dor miudinha, agudizante, mas não podes gemer, gritar ou chorar pois tens à tua frente um auditório repleto de estudantes virgens prontos a serem estuprados...

Sais da oral amarelo, com dores, ganhas um novo andar e a tua única sorte é o apoio silencioso dos teus amigos.

Os assistentes terminam o dia com um riso sarcástico na cara, e com o pénis cheio de lesões, tantas e tão dolorosas foram as enrabadelas! Passado um pouco saem da sala e começam a dizer as notas atribuídas, que mais parecem uma lista telefónica: 9-3-4-2-1-2-... e por aí adiante, tudo porque eras virgem do rabinho!

A  sorte é que para o ano continuamos todos juntos na FDL, com essa cadeira em atraso, e como já temos o rabinho treinado não dói tanto.

Vivam as orais!

6 comentários:

Vanessa disse...

este teu post assusta-me com esses detalhes todos! :!

Luisinha disse...

Boa sorte para o proximo semestre..! LOL

taniah disse...

Vai treinando a tua língua pode ser que lhes proporciones momentos verdadeiramente... excepcionais?! Poupas o cusinho em troca de umas lambidelas.

O teu blogue chama-se "BOCAS INDISCRETAS" saberás concerteza o que fazer...

;)

M disse...

ahaha

para não assustar tanto, hoje fiz a minha oral e passei, e não fiquei assim tão dorido, só um bocadinho =P

ó prima, estives-te bem! afinal hoje o que me safou foi a bela da minha boca e argumentação!! rss

Anónimo disse...

se passas-te, imagino as dores, devem ter sido a dobrar

M disse...

passei, passei :D